SEMEANDO PARA VIDA

Nelson Alvim Nelson Lucas Alvim

Gl. 6:7-10 "Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará. Porque o que semeia para a sua própria carne da carne colherá corrupção; mas o que semeia para o Espírito do Espírito colherá vida eterna. E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não desfalecermos. Por isso, enquanto tivermos oportunidade, façamos o bem a todos, mas principalmente aos da família da fé".




Alguns aspectos da semeadura precisam ser observados antes de iniciar o trabalho, primeiro é saber onde semear, a questão da terra é determinante. Precisamos conhecer o potencial da terra, fraca ou adequada, fértil ou carente ao plantio e a semente. Caso a terra escolhida não possua condições para receber a semente, ela precisa ser tratada, destocada, arada, adubada e irrigada, e só depois essa poderá produzir. Mas outro fator importante é a semente, existem sementes boas e más, existem tipos de sementes diferentes, então alem da qualidade é necessário escolher o que se quer colher, só então poderemos colher com alegria e satisfação .
Certa vez, assistia um noticiário de um grupo de agricultores de mandioca(aipim), gente simples, que resolveram plantar no meio de um mandiocal, alguns pés de maconha (Cannabis sativa), bom essa plantação foi localizada pela polícia federal e o resultado que aquela gente humilde, aprenderam de uma forma mais dura que, “quem planta maconha colhe cadeia”, por isso afirmamos que a qualidade e o tipo de semente é tão importante, quanto a terra, pra que a colheita seja farta, abundante e regozijante. Jesus declara na parábola do Semeador ( Mc.4:3-8), que a condição da terra é indispensável para o bom aproveitamento da semente de qualidade, porque essa por si só, não garante uma colheita adequada, embora, não podemos esquecer que o tipo de semente influencia diretamente no que colhemos. O Reino de Deus é uma terra boa, preparada para produzir, pronta para dar vida a todo tipo de semente que se joga sobre ela, não podemos semear maldade esperando colher algo positivo, a semente que lançamos sobre o reino de Deus germinará, crescerá e dará fruto, diante disso, temos que nos preocupar como e o que estamos semeando, não se pode esperar colher abacate, quando a semente plantada é a de manga, então quando plantamos oração é certo que colheremos uma vida fervorosa e poder; quando plantamos santidade teremos uma vida consagrada; quando plantamos humildade no tempo certo ele nos exaltará; quando plantamos leitura bíblica nosso conhecimento sobre a revelação divina será amplo, mas porém se o nosso fruto for mal, o que esperamos colher? Oséias (8:7) afirma: “Porque semeiam ventos e segarão tormentas” quando semeamos no Reino a semente da maldade, declaradas em Galatas 5:19-21, o que esperamos colher?
Galatas 6:7-10, temos expressão, “não vos enganeis” o termo aqui no grego é "planao", desviar-se, seguir o caminho errado sem perceber claramente isso, isso seria possível?, ora o engano não é o oposto da verdade, o oposto da verdade é a mentira, o engano é exatamente aquilo que mais se parece com a verdade. Vejamos um exemplo, Rua 25 de Março, em SP, existem varias lojas que trabalham com eletrônicos idênticos aos originais, parecidos, algumas pessoas adquirem achando serem verdadeiros e autênticos e só depois do uso ou com o tempo descobrem que foram enganados. O apóstolo Paulo diz, não vos enganeis! Judas quando traiu Jesus, os Fariseus quando entregaram Jesus as autoridades Romanas, Ananias e Safira quando ocultaram parte do dinheiro da venda da propriedade, afirmando ofertar tudo e Simão, o mágico, quando ofereceu dinheiro interessado na autoridade de impor as mãos sobre as pessoas liberando sobre ela uma ação do Espírito de Deus, achavam que estavam certos, mas estavam enganados. Paulo diz: “Deus não se deixa Zombar(escarnecer)” ou seja, fazer escárnio, ridicularizar, ludibriar, ignorar, a palavra "mukterizo", no grego literalmente significa “torcer o nariz”. Resumindo Deus aplicará sua justiça, plantou mal, colhe na mesma proporção. Por isso Paulo afirma, “quem Semeia na carne, colhe corrupção”, mas o que seria semear na carne se não buscar o prazer da mesma! É buscar conhecimento motivado pelo confronto, Submissão por interesse ( bajulação), faz do reino um motivo para auto promoção e vive em função disso, lidera com arrogância, ensina com soberba, obtendo como resultado a corrupção, ou melhor, colheita apodrecendo, sendo corroída pelo ferrugem, em decomposição, em estado de putrefação, desaparecendo entre os dedos. O texto afirma que “aquele que semeia no espírito do Espírito ceifará”, semear no espírito é estar comprometido com o Reino, sentindo o peso da obra de Deus, agindo debaixo do espírito de adoração, participando ativamente da missão e não apenas um espectador, mas entrando em cena como ator, fazendo o Reino acontecer. Jesus respondendo a Pedro, afirma “que ninguém há, que deixado casa, ou irmãos, ou pai, ou mulher, ou campos, por amor de mim e do evangelho, que não receba cem vezes tanto, já neste tempo, em casas, e irmãos, e irmãs, e mães, e filhos, e campos, com perseguições; e no século futuro a vida eterna”. Paulo afirma que do espírito ceifará para á vida eterna, então podemos concluir que semear no espírito significa colher onde não há corrupção, ajuntar onde a traça e a ferrugem não destroem, onde o ladrão não rouba, semear no espírito é construir para eternidade.



Vamos semear para a vida, que ainda é tempo!
video

1 Responses to SEMEANDO PARA VIDA

  1. Eleusa Brito Says:
  2. "Aquilo que o homem semeiar, isto também ceifará" Gl 6:7 aqui está uma alerta extremamente importante e decisiva, mas que a maioria das pessoas passam por ela despercebidos. Esquecem que estão a todo tempo lançando sementes. Que seja para todos nós uma regra de vida, semear o que há de "verdadeiro, honesto, puro, justo e que for de boa fama"...semar amor, compreensão, fraternidade, paz. Desta formas, seremos conhecidos pelos frutos que colhemos e ao mesmo tempo damos.